Voluntário Contador de Histórias

O primeiro passo é fazer a oficina A ARTE DE CONTAR HISTÓRIAS. Isso é necessário para que você conheça nossa metodologia e nosso público.

Também é preciso assistir à palestra “Como ser Voluntário”, do Centro de Ação Voluntária – CAV.

Isso feito, você já pode integrar um dos grupos de contação de histórias nas instituições parceiras, conforme seu perfil e sua disponibilidade de tempo.

A Casa oferece encontros para desenvolvimento continuado a cada 45 dias, aproximadamente. A participação é obrigatória. Nesses encontros, o contador voluntário aperfeiçoa suas técnicas, recebe contribuições teóricas e práticas e tem oportunidade de trocar experiências com outros contadores.